Brasil tem mais cursos de Direito do que todos os outros países do mundo juntos

Postado por: Editor NJ \ 30 de julho de 2013 \ 8 comentários

País possui mais de 1.200 faculdades, contra 1.100 do resto do mundo


O Brasil possui 1.240 cursos superiores de Direito. Com esse número, o país se consagra como a nação com mais cursos de Direito do mundo todo. A soma total de faculdades de direito no mundo chega a 1.100 cursos. As informações foram divulgadas hoje, no blog Leis e Negócios do Portal IG.

O número de advogados também é bastante alto, chegando a 800 mil. Mas, segundo o blog, poderiam existir muito mais. Conforme afirma a reportagem, se todos os bacharéis em Direito passassem no exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) - pré-requisito para poder advogar no Brasil -, o país computaria mais de três milhões de advogados.

Cursos na mira do MEC

Apesar de o Brasil ter um grande número de cursos, alguns não são confiáveis. Muitos deles estão sob supervisão do Ministério da Educação (MEC) desde 2007, por apresentaram notas insatisfatórias no Exame Nacional de Desempenho dos Estudante (Enade) e no Indicador de Diferença de Desempenho Esperado e Observado (IDD), segundo afirma o GUIA DO ESTUDANTE Profissões Vestibular 2011.

Quando uma faculdade apresenta notas insatisfatórias, ela recebe a visita de uma comissão de especialistas e firma um acordo para promover as melhorias necessárias para a validação do curso. Quando as metas são cumpridas, o processo é arquivado. Caso sejam cumpridas parte dessas melhorias, é determinada a redução do número de vagas ofertadas. Nas situações em que as medidas não são exercidas, é instaurado um processo para o encerramento do curso.

Até agosto de 2010, segundo apuração do GUIA, a Faculdade Brasileira de Ciências Jurídicas (Suesc) e a Universidade Castelo Branco do Rio de Janeiro (UCB-RJ) tiveram que encerrar os seus cursos. Outras seis instituições de ensino, entre elas a Universidade Nove de Julho (Uninove) e Universidade Paulista (Unip), ambas em São Paulo, tiveram que reduzir a oferta de vagas.

Os melhores segundo o GUIA

Se por um lado alguns cursos estão fechando as suas portas, por outro alguns vêm se consagrando como os melhores cursos de Direito do Brasil, segundo a avaliação do GUIA DO ESTUDANTE.

O GUIA avaliou sete universidades públicas com cinco entrelas (a melhor avaliação). Entre elas, a Universidade de Brasília (UnB), a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e a Universidade de São Paulo (USP). Entre as melhores particulares, apenas duas conseguiram cinco estrelas, a Pontifícia Universidade do Rio de Janeiro (PUC-Rio) e a Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos).

Fonte: www.guiadoestudante.abril.com.br

categoria: ,

8 comentários:

  1. "Bacharelismo", infelizmente muitas dessas instituições não oferecem um curso de qualidade; consequência disso mercado inchado e com profissionais não tão bons assim!!

    ResponderExcluir
  2. Prezados, apenas para constar, a Puc-Campinas também obtêm 5 estrelas no seu curso de Direito.

    ResponderExcluir
  3. O curso de Direito da Puc-Campinas também obteve 5 estrelas.

    ResponderExcluir
  4. E ainda reclamam da prova da OAB? Vai pro cacete, imundos.

    ResponderExcluir
  5. Isso mostra o nível de comodismo de muitos 'alunos' pelo Brasil a fora que tem coragem de dizer que são bacharéis em direito com diplomas comprados basicamente de faculdades criadas por picaretas oportunistas. Lamentável.

    ResponderExcluir
  6. País de terceiro mundo é assim mesmo,tem que ter um operador do Direito pra cada cidadão,fazer o que?

    ResponderExcluir
  7. Advocacia é curso prá vagabundo...o brasileiro que estuda direito passa mais tempo na balada e na cachaça que na sala de aula.quem estuda direito foge da matemática,física , química e biologia.Por este motivo não temos tecnologia em nosso país.Damos mais valor a um juiz que a um médico ou engenheiro.Por aqui todos querem "defender" os direitos" dos outros, mas quem domina o mundo tem quem dominar tecnologia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Primeiro que o Curso chama-se Direito, e não Advocacia , conforme você mencionou.
      Outro ponto, acredito que você não tenha sequer propriedade sobre o assunto para falar coisas absurdas, do tipo " o brasileiro que estuda direito passa mais tempo na balada e na cachaça que na sala de aula". Você não tem mesmo a menor ideia do quanto todos estudam, independente de qualquer outra coisa, não é fácil de forma alguma.

      E quem Domina o Mundo, meu Caro, não tem que Dominar a Tecnologia, tem que ter Determinação, Bom senso, Humanidade. Além de usar a Tecnologia como auxilio em seu cotidiano, apenas.

      Sobre a valorização de profissionais nas áreas jurídicas, como você citou, existe sim, mas em nenhum momento a valorização é excessiva e de forma alguma a valorização é acima de Médicos, por exemplo. Cada profissão tem seu Valor, sua devida importância.

      Excluir

-------------------------------------------------------------------------
É um prazer receber seu comentário e ter sua participação.
Repasse a seus amigos e convide-os a opinar também.