Xuxa perde ação movida contra Google

Postado por: Editor NJ \ 25 de julho de 2013 \ 10 comentários

Apresentadora pedia a remoção de links para filme “Amor Estranho Amor”, onde ela aparece em cenas eróticas com um menino de 12 anos


São Paulo - O Superior Tribunal de Justiça decidiu a favor do Google em uma ação movida pela apresentadora Xuxa Meneghel.

Na ação, Xuxa pedia que o serviço removesse links para páginas onde ela aparece nua ou em cenas de sexo em fotos ou vídeos.

De acordo com a decisão do STJ, o Google não deve suprimir os resultados, pois não é o responsável pela publicação dos conteúdos, mas apenas uma ferramenta de pesquisa.

Na ação, protocolada em outubro de 2010, Xuxa pedia que o Google não indicasse nenhum link a partir de buscas combinando seu nome mais as palavras “pornografia” e “pedofilia”.

Essa pesquisa tem como resultado links para o filme "Amor Estranho Amor", filmado em 1979. Nele, a então modelo aparece em cenas eróticas com um garoto de 12 anos. A apresentadora ainda pode recorrer da decisão.

Recentemente, a atriz Carolina Dieckmann também pediu que o Google retirasse do ar links para as fotos roubadas onde ela aparecia nua.

Na ocasião, o Google declarou que não interfere em seus resultados. “O mecanismo de busca do Google é um indexador, ou seja, uma ferramenta que procura conteúdos disponíveis na internet”, afirmou a empresa.

Fonte: www.exame.abril.com.br

categoria: ,

10 comentários:

  1. Dezoito anos após ser liberada para uso doméstico, o funcionamento da Internet ainda é desconhecido pela esmagadora maioria das pessoas, que uma vez ignorantes de seu funcionamento, promovem eventos ridículos e patéticos como esse e como outros tantos que temos apreciado. É digno de pena uma coisa dessas.

    ResponderExcluir
  2. quem mandou ela fazer esse filme,agora aguente,toda ação tem uma reação

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Excelente comentário. Se ela não queria essa exposição, então porque fez o filme? Não vejo sentido em sua ação! No caso da Carolina Dieckmann ela teve as fotos roubadas do notebook, isso ainda fazia algum sentido, mas no caso da Xuxa e pura arrogância mesmo.

      Excluir
  3. Bem.. triste para a Xuxa, porem o google esta correto. Isso e'algo que nem deveria ser cogitado. Nao cabe atualmente isso. ;)

    ResponderExcluir
  4. Legal a notícia, porém não vincularia essa segunda foto. Pode acabar levando o portal nação jurídica ao descrédito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, essa foto ficou forte mesmo. Meio chocante e desnecessária.

      Excluir
  5. E essa pessoa ainda apareceu chorando em rede nacional afirmando ter sido abusada sexualmente quando criança! Que contradição!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dedeca , ela não esta abusando do moleque ! , ela fez esse filme quando tinha 17 ou era 18 , não me recordo e os responsáveis pelo garoto assinou o terno que permitia que o filho fizesse esta cena !

      Excluir
  6. Nao acho que a foto foi desnecessaria,bem merecido (semeou "rainha"colhe ! para quem se acha acima da justica como muitos no Brasil.
    Porque nao tenta comprar a justica Americana tambem??
    E claro q assinaram,com certeza foram pagos.Ela q tente fazer o mesmo,oferece dinheiro pro Google.hahah

    ResponderExcluir
  7. Senhoras e senhores. Quem tiver o link de um dos trecho da Xuxa com o garoto nesse filme, me adciona pelo link do Facebook e envia para mim pelo Messenger ou WhatsApp.

    ResponderExcluir

-------------------------------------------------------------------------
É um prazer receber seu comentário e ter sua participação.
Repasse a seus amigos e convide-os a opinar também.