Começa a valer multa para quem joga lixo nas ruas do RJ

Postado por: Editor NJ \ 21 de agosto de 2013 \ 8 comentários

Cento e 10 pessoas que jogaram detritos na rua foram multadas nas primeiras 10 horas da implementação do Programa Lixo Zero no Centro da cidade do Rio de Janeiro. É o que revelou balanço divulgado às 17 horas de ontem pela Companhia Municipal de Limpeza Urbana (Comlurb). A maior parte dos infratores, 66%, terá de pagar multa de R$ 157 por ter descartado ponta de cigarro no chão. Não houve registros de resistência à aplicação da multa, da qual é possível recorrer.


O foco, segundo a Comlurb, não é arrecadar dinheiro, e sim condicionar a população a manter ruas, praças e praias limpas. Espera-se que o efeito seja o mesmo da lei que instituiu o uso obrigatório do cinto de segurança nos carros, de 1997, e a Lei Seca, de 2009, que fiscaliza a ingestão de bebida alcoólica por motoristas.


Por um mês, agentes fizeram campanha no Centro para informar transeuntes da Lei de Limpeza Urbana. Datada de 2001, nunca se consolidou porque faltava multa a ser estipulada. As pessoas eram só advertidas e liberadas. Apenas estabelecimentos comerciais acabavam punidos.


Agora, a penalidade mínima é de R$ 157 para volumes até uma lata de refrigerante, e o valor sobe de acordo com o tamanho, chegando até R
$ 3 mil, no caso de grande quantidade de entulho. Mais de 600 pessoas foram treinadas para implementar o programa. Ontem, 192 profissionais foram às ruas. As equipes são formadas por um agente da Comlurb, que informa a infração; um guarda municipal, que insere o CPF do infrator em um smartfone; e um policial militar, que só age se o cidadão se recusar a fornecer seus dados. A abordagem pode acabar na delegacia. O PM trabalha em dia de folga de suas funções usuais.

Nome sujo

O infrator recebe na hora a multa impressa, e deve entrar na Internet para emitir o boleto de pagamento em até dois dias úteis. Eventuais recursos têm de ser protocolados presencialmente na sede da Comlurb. Quem deixar de pagar vai ficar com o nome sujo. Consultas podem ser feitas no site da Comlurb.


O Centro ficou nitidamente mais limpo. A avenida Rio Branco foi o lugar com maior número de infrações. O trabalho começou pela região por se tratar da área com maior fluxo de pessoas da cidade.

categoria:

8 comentários:

  1. Creio que este valor seja exacerbado para a infração em questão, considerando que a manutenção da limpeza da cidade seja de responsabilidade do Governo (que já arrecada outros impostos que, cá entre nós, são altíssimos). É bom para a sociedade?
    É, mas não seria melhor a prefeitura investir em latas de lixo? Muitas pessoas jogam o lixo na rua (talvez já constrangidas) somente porque não há lixeiras próximas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jogam lixo na rua por muitas vezes não ter lixeira ou pra cultivar o mau hábito mesmo? Falta de lixeira em alguns pontos da cidade não justifica o relaxismo de seus cidadãos. Nunca jogo lixo na rua, se não encontro lixeira seguro até encontrar uma e se não encontrar fico com a lata, o folheto, o papel de bala, seja lá o que for, até chegar em casa. Infelizmente a maior parte dos brasileiros só começa a tomar consciência de seus erros quando dói no bolso.

      Excluir
    2. Manter a cidade limpa não é função exclusiva do Estado, é do Povo também, afinal a cidade é nossa casa. Nessa reportagem não foi citado, mas em outros noticiários tem-se a informação que a prefeitura da cidade já instalou 30 mil lixeiras na cidade.

      Excluir
  2. Concordo com a Kelly, garanto que se sanção não fosse imposta com esse valor, a população não iria dar importância alguma. Agora falta a prefeitura de cidade fazer um levantamento para espalhar mais lixeiras pelas ruas e fazer a conscientização da população.

    ResponderExcluir
  3. É uma ótima medida, e de certa forma um "incentivo" a deixar a cidade limpa. Mas, o que me pergunto é: que medidas foram tomadas para que a lei entrasse em vigor ? Foram postas mais lixeiras pelo centro? Tem a disposição garis para retirarem os sacos de lixo cheios? (como é no centro da cidade penso eu que com esta conscientização as latas encham muito mais rápido) Tem sinalização para avisar a todos de tais multas? O dinheiro arrecadado vai para que fundo? Como cidadã concordo plenamente com tal lei, porque o respeito ao meio ambiente se perdeu no decorrer do tempo, porém faltam algumas especificações. Que claro se alguém tiver um site ou fórum lerei com prazer.

    ResponderExcluir
  4. Na minha cidade quase não tem lixeira, eu levo os saquinhos, os plásticos comigo e os descarto quando encontro uma lixeira ou em casa. Quem quer a cidade limpa não joga lixo na rua por falta de lixeira, porem obviamente isso não tira o dever do Governo de instalar essas lixeiras para que juntos façamos a diferença.

    ResponderExcluir
  5. Achei excelente a medida da prefeitura do RJ , pois é inadmissível que as pessoas de bem paguem a conta da falta de educação de uma minoria que não tem educação e convenhamos a sujeira que é jogada nas ruas entope tubulações de esgoto que por consequência causam inundações no setor urbano em dias de chuva e também um bueiro entupido devido ao lixo faz transbordar o esgoto para as ruas aonde as crianças andam muitas vezes de pés descalço e contraem doenças por conta desse esgoto que está nas ruas e não nas tubulações.

    Além de tudo o lixo jogado nas ruas favorece o surgimento de diversas doenças as quais afetarão os seres humanos , exemplo a leptospirose que surge onde muitos ratos se proliferam graças ao lixo que alguns cidadãos sem educação jogam nas ruas.

    Menos lixo nas ruas resultará em menos pessoas nos hospitais e por consequência sobrará mais vagas para anteder as pessoas que são vítima de outras enfermidades que não são causadas pelo lixo das ruas .

    São baterias de celular , pilhas e outros produtos que não podem ser descartados sem o devido cuidado pois causam danos ambientais irreversíveis a toda uma comunidade , uma pilha descartada indevidamente pode causar contaminação do lençol freático o qual os órgãos competentes retiram a água e suprir a população , agora pergunto você como cidadão gostaria de beber água contaminada por produtos tóxicos culpa de uma pessoa irresponsável ??

    O que está em jogo é a saúde pública e o bem estar de toda uma comunidade. Parabéns para a prefeitura por esta media a qual todos nós seremos beneficiados.

    Tomare que outras capitais sigam essa excelente exemplo que visa garantir o bem estar de toda comunidade.

    ResponderExcluir
  6. Parabéns para implantou essa lei e multa, pois assim as pessoas pensarão duas vezes antes de fazer sujeira nas ruas.
    Pois quem não gosta de uma casa limpa? Melhor ainda quando sair de sua casa limpinha e encontrar as ruas mais limpas ainda! Legal!

    ResponderExcluir

-------------------------------------------------------------------------
É um prazer receber seu comentário e ter sua participação.
Repasse a seus amigos e convide-os a opinar também.