Como estudar na véspera

Postado por: Editor NJ \ 29 de setembro de 2013 \ 33 comentários

A primeira dica é: não faça isso. O ideal é estudar enquanto aprende. Deixar para estudar na véspera da prova é um desperdício de esforço de memorização, porque torna mais difícil absorver o conhecimento necessário, e praticamente garante que você não lembrará dos conceitos depois da prova, quando vier a precisar deles na prática, ou em outra matéria futura.

Mas se você fez isso mesmo assim, e a prova vai ser amanhã, você não estudou nada, e daqui a 2h você tem um compromisso inadiável, existe uma solução para tentar não ir mal.

É provável que seu resultado não vá ser sensacional, mas a essa altura o melhor é tentar ao menos garantir que ele também não seja péssimo!

Explorando os limites da memorização

A obra "The Magical Number Seven, Plus or Minus Two: Some Limits on our Capacity for Processing Information" é descrita como um clássico da psicologia cognitiva, e se dedica a identificar e lidar com nossos limites mentais de armazenar e processar informações.

A partir deste texto foi derivada uma técnica rápida de preparação emergencial para testes e provas, que também pode ser empregada com sucesso na preparação para uma reunião ou apresentação.

O conceito é tão bom que eu freqüentemente recorro à mesma técnica na hora de preparar um artigo ou apresentação sobre um assunto do qual eu disponha de bom material de consulta, porque aí o resultado do que eu escrever tende a respeitar os limites de aprendizado e memorização imediata dos leitores.

Eu prefiro usar fichas 3x5 ao invés de folhas de papel comum (a frente da ficha vai para o passo 2, e o verso vai para o passo 4), porque são mais fáceis de manusear e arquivar.

A técnica não usa recursos especiais de memorização - aqueles que de vez em quando a gente vê na TV, de pessoas capazes de memorizar longas listas de itens, mas sim focaliza nossa capacidade de obter e reter informação naturalmente, respeitando os limites usuais da maioria das pessoas.

Atenção: A preparação emergencial não substitui os métodos de estudos tradicionais, mas se você precisar recorrer a ela, ela pode ser uma solução até mesmo no caso de você ter apenas 15 minutos para se preparar - mas é mais eficaz se você puder dispor integralmente de 2 horas.

É necessário ter acesso ao material de estudo, e ao menos uma visão geral do conteúdo que precisa ser dominado.

categoria: ,

33 comentários:

  1. tá, mas cadê a técnica?????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa pergunta, capciosa.

      Excluir
    2. tava pensando a mesma coisa

      Excluir
    3. Também quero saber! rs

      Excluir
    4. também estou me fazendo a mesma pergunta, cade a tal técnica ?

      Excluir
    5. http://efetividade.net/2011/02/como-estudar-na-vespera.html
      acho que aqui está o restante do conteúdo plagiado rs..

      Excluir
    6. Conteúdo plagiado?!?!? Pronto, definitivamente parei com esta página.

      Excluir
    7. q piada sem graça....

      Excluir
    8. uai ... mas que piada ???

      Excluir
  2. cade mesmo, li e não achei nada...

    ResponderExcluir
  3. não entendi! to esperando a técnica também...

    ResponderExcluir
  4. ta, mais cadê a técnica?²

    ResponderExcluir
  5. Vou ficar esperando a técnica porque né...

    ResponderExcluir
  6. Seria bom se postassem a técnica aqui, afinal de contas amanhã tenho prova e o tempo é curto para tanta matéria que ainda falta rever!!! Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aparentemente, copiaram daqui, onde está mais completo: http://efetividade.net/2011/02/como-estudar-na-vespera.html

      Excluir
  7. ???????????????????????????

    ResponderExcluir
  8. Palhaçada e eu aqui perdendo tempo diante a uma informação totalmente incompleta!!

    E a técnica????? é aquela tradicional pegar o material e Estudar e virar a noite!!!

    ResponderExcluir
  9. ''É necessário ter acesso ao material de estudo, e ao menos uma visão geral do conteúdo que precisa ser dominado.''

    ResponderExcluir
  10. Onde está a tal técnica?

    ResponderExcluir
  11. http://www.nacaojuridica.com.br/2013/09/como-estudar-na-vespera.html
    aqui está o restante da matéria pessoal, abç.

    ResponderExcluir
  12. Pessoal aqui nesse link tem a matéria completa, COM a Técnica !

    ResponderExcluir
  13. Folheie superficialmente o material de consulta e identifique os 5 conceitos ou tópicos principais que fazem parte do tema da sua prova. Pegue uma folha de papel para cada um destes conceitos, e anote o título deles no topo de cada folha, usando apenas palavras-chave.
    Com suas próprias palavras, sem voltar a consultar ou conferir neste momento, escreva uma explicação, conceito ou definição para cada um dos 5 tópicos, logo abaixo do título das folhas. Escreva mesmo que vá errar - corrigir um erro escrito (nos passos seguintes) ajuda muito na memorização.
    Volte ao material de consulta e confira todas as suas anotações do passo 2.
    Edite ou refaça o texto que você escreveu no passo 2, agora considerando o que você acabou de ler no material de consulta, mas sem copiar diretamente.
    Coloque as 5 páginas em ordem de importância, de acordo com a sua opinião, e numere-as de 1 a 5.
    Repita os passos 1 a 4 para 2 tópicos adicionais, se você perceber que ainda há tempo.
    Insira os 2 tópicos acima na ordem que você definiu no passo 5, e refaça a numeração.
    Siga os passos acima para mais 1 ou 2 tópicos, se você tiver tempo.
    Mesmo que ainda haja tempo, não ultrapasse um total de 9 conceitos.
    Reveja suas anotações mais uma vez ainda na véspera (se possível resolvendo alguns exercícios), e outra vez pouco antes do teste.
    Lembre-se: este método não dá resultados tão bons como os estudos tradicionais, que procuram absorver em profundidade todo o conteúdo da prova.

    Mas em emergências escolares, quando seu tempo para estudar é limitado, é melhor do que nada. E você tem que torcer para o seu professor incluir na prova justamente os temas que você avaliou como mais relevantes ;-) Boa sorte!

    ResponderExcluir
  14. Não sei qual técnica,quando postarem um link coloquem a notícia 'verdadeira' nele.
    Grata!

    ResponderExcluir
  15. Uai... e a Técnica? Onde fica?

    ResponderExcluir
  16. Legal, legal, mas onde está a técnica?

    ResponderExcluir

-------------------------------------------------------------------------
É um prazer receber seu comentário e ter sua participação.
Repasse a seus amigos e convide-os a opinar também.