Um em cada três cursos de direito tem desempenho ruim no Enade

Postado por: Editor NJ \ 7 de outubro de 2013 \ 0 comentários

Entre as 17 carreiras avaliadas na edição de 2012 do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), três cursos tradicionais (ciências econômicas, administração e direito), e um tecnológico (tecnologia de processos gerenciais) tiveram os maiores índices de notas abaixo do nível satisfatório. Pelo menos um em cada três cursos avaliados destas carreiras tiveram notas ruins, de acordo com o Enade. No caso de direito, 33% dos cursos avaliados ficaram com desempenho insatisfatório.

O Conceito Enade tem escala de 1 a 5. Cursos com notas 1 e 2 são abaixo da média esperada e é preciso ter nota 3 ou mais para ser considerado satisfatório.. Segundo levantamento feito pelo G1 a partir dos dados divulgados pelo Ministério da Educação (MEC) na tarde desta segunda-feira (7), 39,5% dos cursos de ciências econômicas tiveram nota 1 ou 2 (veja tabela mais abaixo).

Em segundo lugar aparece administração, com 35,8% dos cursos nas faixas 1 e 2. Outro dado marcante é em relação aos cursos de direito. Segundo o Enade 2012, 33% dos cursos de direito avaliados tiveram resultado insuficiente, ou seja, um a cada três cursos de direito estão abaixo do mínimo esperado.
O curso tecnológico com pior desempenho foi tecnologia de processos gerenciais (35,9%).

A carreira com o menor índice de cursos mal avaliados é a de jornalismo, com 14,7%.

Os cursos de secretariado executivo foram os que mais obtiveram nota máxima em relação ao total na carreira. Entre os 74 cursos avaliados, 13,5% tiveram conceito Enade 5 nesta edição. A carreira com o maior número de cursos foi administração, com 1.554 incluídos no Enade (mas 14 deles ficaram sem conceito).

Veja abaixo a tabela com as notas do Enade divididas pelas carreiras avaliadas em 2012:



RESULTADO DO ENADE 2012 (POR CURSO AVALIADO)
CARREIRACONCEITO ENADE (2012) -  Notas 1 e 2 são consideradas desempenho ruim
Nota 5Nota 4Nota 3Nota 2Nota 1SC*TOTAL
Administração96 (6,2%)215 (13,8%)672 (43,2%)524 (33,7%)33 (2,12%)14 (0,9%)1.554
Ciências contábeis31 (3,6%)180 (20,8%)390 (45,1%)238 (27,5%)15 (1,7%)11 (1,3%)865
Ciências econômicas8
(4,3%)
26
(14%)
74
(40%)
64 (34,6%)9
(4,9%)
4
(2,2%)
185
Design7
(5%)
30 (21,4%)58 (41,4%)38 (27,1%)3
(2,1%)
4
(2,9%)
140
Direito43 (4,5%)161 (17%)431 (45,3%)285 (30%)29
(3%)
2
(0,2%)
951
Jornalismo15 (5,4%)97
(35%)
119
(43%)
32
(11,5%)
9
(3,2%)
5
(1,8%)
277
Psicologia14 (3,8%)82
(22%)
210 (56,4%)49 (13,2%)13 (3,5%)4
(1,1%)
372
Publicidade e propaganda18 (5,4%)72
(21,6%)
146
(43,8%)
88
(26,4%)
5
(1,5%)
4
(1,2%)
333
Relações internacionais4
(5,1%)
18
(23,1%)
38
(48,7%)
12
(15,4%)
3
(3,8%)
3
(3,8%)
78
Secretariado executivo10 (13,5%)16 (21,6%)30 (40,5%)12 (16,2%)2
(2,7%)
4
(5,4%)
74
Tecnologia em gestão comercial6
(4,8%)
29
(23,4%)
56
(45,1%)
25
(20,2%)
4
(3,2%)
4
(3,2%)
124
Tecnologia em gestão financeira12
(7,2%)
36
(21,7%)
71
(42,8%)
37
(22,3%)
4
(2,4%)
6
(3,6%)
166
Tecnologia em gestão de recursos humanos21
(6,2%)
82
(24,2%)
143
(42,2%)
84
(24,8%)
5
(1,5%)
4
(1,2%)
339
Tecnologia em logística15
(5,8%)
57
(22,2%)
108
(42%)
69
(26,8%)
6
(2,3%)
2
(0,8%)
257
Tecnologia em marketing17
(7,7%)
40
(18%)
85
(38,3%)
57
(25,7%)
12
(5,4%)
11
(4,9%)
222
Tecnologia em processos gerenciais12
(6,7%)
29
(16,3%)
66
(37,1%)
55
(30,9%)
9
(5%)
7
(3,9%)
178
Turismo10 (5,2%)29
(15,2%)
73
(38,2%)
50
(26,2%)
7
(3,7%)
22
(11,5%)
191
Fonte: MEC/Inep
*SC = sem conceito


O Ministério da Educação disponibilizou na tarde desta segunda-feira (7) os resultados dos cursos das instituições de ensino superior que participaram do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) em 2012 (veja no link ao lado). Segundo o MEC, cerca de 30% dos cursos ficaram abaixo da média considerada aceitável no Conceito Enade. Foram avaliados cursos na área de humanas.

Esse índice monitora a qualidade dos cursos de graduação e divide as instituições (universidades, faculdades e centros universitários) por totais contínuos que vão de 0 a 5 pontos, com divisão por casas decimais, e em faixas que vão de 1 a 5. Avaliações abaixo de três são consideradas insatisfatórias pelo MEC. Elas tiraram conceito 1 ou 2 como resultado final do Exame. Para estarem em um nível aceitável de prestação de serviços de educação, é preciso tirar de 3 a 5, a nota máxima.

Fonte: G1

categoria: ,

0 comentários

-------------------------------------------------------------------------
É um prazer receber seu comentário e ter sua participação.
Repasse a seus amigos e convide-os a opinar também.