TAM envia nota sobre matéria veiculada pela Nação Jurídica

Postado por: Editor NJ \ 8 de dezembro de 2014 \ 1 comentários

A empresa TAM, através de sua assessoria de imprensa, entrou em contato com a redação da Nação Jurídica para se posicionar quanto à notícia veiculada ontem, 7, sobre um juiz de Imperatriz que ordenou a prisão de funcionários da companhia devido ao fato do magistrado ter perdido voo.

Os funcionários prestaram depoimento e foram liberados. O juiz Marcelo Baldock conseguiu embarcar no avião de uma outra companhia com destino a cidade de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo.

“Eles vieram conduzidos, supostamente por terem praticado um crime contra o consumidor. Todavia, a vítima, o magistrado, não compareceu. Por isso, o delegado de plantão ouviu todos os condutores e conduzidos e liberou”, explicou o delegado regional da Polícia Civil, Assis Ramos.

Veja a nota da TAM:

POSICIONAMENTO

A TAM informa que segue todos os procedimentos de embarque regidos pela Legislação do setor. A empresa informa ainda que está colaborando e prestando todos os esclarecimentos às autoridades.

categoria: ,

Um comentário:

  1. Ele perde o vôo e se acha no direito de prender alguém? Isso é abuso de autoridade!

    ResponderExcluir

-------------------------------------------------------------------------
É um prazer receber seu comentário e ter sua participação.
Repasse a seus amigos e convide-os a opinar também.