Corte de luz por falta de pagamento na conta é proibido em todo território brasileiro

Postado por: Editor NJ \ 7 de janeiro de 2017 \ 41 comentários

O consumidor que não pagou uma conta de luz há mais de 90 dias não pode mais ter a eletricidade cortada – desde que as faturas posteriores à conta atrasada estejam quitadas. Essa é a nova determinação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para proteger o fiel pagador que, eventualmente, esqueceu de pagar uma fatura – que é antiga demais ou pode não ter sido enviada pela concessionária.

A regra está prevista na Resolução 414/2010 (que foi publicada no último dia 15 de março, editada para evitar confusões. Isso porque, às vezes, um morador tinha a luz cortada por causa do atraso no pagamento de um boleto em atraso há anos – em muitos casos quem deixou de pagar nem é mais o morador do imóvel.

“Não se pode penalizar o consumidor que por acaso esqueceu ou falhou no pagamento – e a concessionária teve 90 dias para lembrá-lo e não o fez. A distribuidora não pode cortar com base numa conta que ficou esquecida lá atrás, sendo que o consumidor fez os pagamentos posteriores. É para evitar esse tipo de situação”, diz Romeu Donizete Rufino, diretor da Aneel.

A mesma norma ainda prevê que a suspensão de fornecimento por falta de pagamento da conta de energia só poderá ser feita em dias úteis da semana e durante o horário comercial (8h às 18h), e não mais a qualquer momento como era possível antes. Isso porque, segundo Rufino, não é o corte que interessa ao consumidor e à concessionária, mas sim um serviço de boa qualidade e o pagamento em dia da fatura.

“Se houver um corte de energia no final do dia da sexta-feira, por exemplo, o consumidor poderia eventualmente pagar, quitar e só teria a energia de volta na segunda-feira. O propósito não é esse, não é deixá-lo sem energia. Essa medida vem para protegê-lo e não deixá-lo sem o serviço essencial no final de semana”, completa Rufino.

Compartilhe com todos!

Com informações do Portal Vargem Grande

categoria:

41 comentários:

  1. Excelente noticia para todos consumidores

    ResponderExcluir
  2. Tava na hora de uma lei ser aprovada sobre esse assunto, só de lembrar o constrangimento dá logo uma revolta.

    ResponderExcluir
  3. 414/2010 , faz sete anos que está em vigor e não só agora, matéria antiga "publicada no último dia 15 de março" esta matéria deve ser do fim de março daquele ano. Trabalho numa concessionaria, o corte acontece a partir de 16 dias do recebimento da segunda fatura que reavisa a primeira, até no máximo 90 dias do vencimento da mesma, depois disso não pode cortar por essa fatura. se o cliente tiver outra menos de 90 dias e já tenha sido reavisada a mais de 16 dias poderá ser suspenso a qualquer momento em dias úteis no horário comercial, lembrando que se for suspenso para religar deve se quitar todas as faturas atrasadas com mais de 15 dias inclusive as que ficaram pra trás.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, como a resolução foi publicada em 2010, não tem como ser 'dado' conta apenas agora. Se trata de matéria antiga mesmo.
      Também trabalho numa concessionária e as regras já se adequam, com o detalhamento informado por você.

      Excluir
    2. Leva a mal não, mas na prática não acontece assim. Fiz um acordo com a light pra não cortarem minha luz as parcelas deveriam vir na conta, mas não conferi e a primeira não veio continuei pagando normalmente. Uma veio zerada e a concessionária disse que estava paga. No ano seguinte (2012)estou bem tranquila no trabalho, meu irmão me liga perguntando se eu tinha pago uma tal conta de 2011.
      Saí desesperada do serviço porque esse irmão toma insulina que precisa estar na geladeira e fui pra agência, quando cheguei lá disseram que era por causa da parcela do acordo que eu não tinha pago. Entrei com ação porque o erro foi da light e não meu. Ano passado teve a audiência e a advogada da light queria me pagar mil reais pelo constrangimento e desespero que passei em 2012, como não aceitei esse trocadinho, a ação foi julgada improcedente.
      Passei vergonha e ficou por isso mesmo.

      Excluir
  4. Isso vale pra agua? Pq a copasa veio cortar a minha agua de uma conta de 15 de dezembro de 2015, e vieram cortar 17 de dezembro de 2016. Nao sabia dessa conta, era a unica em atraso e nal avisaram corri e imprimi e paguei a conta e eles so religaram a agua 2 dias depois. ��

    ResponderExcluir
  5. Eu não sabia deste detalhe da fatura com mais de 90 dias de atraso, e as posteriores quitadas, não sofre suspensão de fornecimento, gostei da ideias para nós consumidores, meus parabens para a ANEEL.

    ResponderExcluir
  6. Tive minha energia cortada em horário comercial, num Estabelecimento comercial durante o dia, perdi td que estava no freezer, por uns funcionários esquisitos, parecendo até terroristas de óculos escuros e disseram que tinha que cortar, não podia nem esperar ir na Casa Lotérica pagar a conta, Indo a Cemig, me obrigaram a pagar a conta vencida e a vencer pra religar. Detalhe: fui atendida por funcionários mau humorados e mau educados. E agora que estou vendo que esta Lei já estava em vigor. Oh! país, viu ?

    ResponderExcluir
  7. Resta saber s as empresas vão abedecer essa lei...

    ResponderExcluir
  8. Pena q eles não seguem a lei,minha cunhada esqueceu de pagar a do mês de setembro e cortaram a luz dela em dezembro, ela pagou no mesmo dia do corte, mas só religaram fepois de 5 dias, e rla ligava tds os dias cobrando, isso aqui em São Paulo!

    ResponderExcluir
  9. a de agua tambem deveria ser assim, pena que até o momento não é.

    ResponderExcluir
  10. Aviso,"a Embasa, empresa que fornece água em Itambé Bahia, está precisando dessa correção. Porque mesmo que os consumidores paguem as suas faturas em dia, a embasa é muito desrespeitadora para com a população da cidade. inclusive, essa tal de embasa, deixa transparecer, que não está nem ai com a lei de defesa ao consumidor. Só que paciência tem limites, e já passou da hora, dos Itambeenses tomar as providências cabíveis, Para que a Embasa passe a ser uma fornecedora que respeite os seus clientes.

    ResponderExcluir
  11. Vamos vê se esta lei vai valer realmente ? E se vai ser respeitada ?

    ResponderExcluir
  12. A manchete está induzindo o leitor a erro, pois dá a impressão que o não pagamento da conta de energia não mais levará ao corte da energia. Não é isso. O que de fato se tem é que o corte não será permitido no caso de não pagamento de uma determinada fatura, mas desde que as posteriores estejam em dia. Caso contrário, ou seja, o não pagamento de contas atuais e sequenciadas levará sim ao corte de energia.

    ResponderExcluir
  13. CERTA OCASIÃO TIVE UMA AMEAÇA DE CORTE TENDO MINHAS CONTAS POSTERIORES TODAS PAGAS, POR LAPSO DE MEMÓRIA ISSO ME ACONTECEU.
    ACHO ESSA MEDIDA EXCELENTE.

    ResponderExcluir
  14. Isso é coisa pra vagabundo... A concessionária não tem o dever de avisar ninguém...quem esquece tem q arcar com as consequências... Pq o ar condicionado q usa energia ninguém esquece de ligar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O QUE ISSO TEM A VER COM VAGABUNDO?
      VC DEVE DE TÁ COM FALTA DE ROLA NESSA PIRIQUITA

      Excluir
  15. E o meu caso tinha duas contas altas no valor das 2 somava um pouco mais de 600 reais, sexta feira de manhã cortaram, fui providenciar a quantia para pagar mas ao conseguir pagar sábado pela manhã assim que a lotérica abriu, pedir para religar me disseram que só segunda feira até meio dia o serviço será feito. Estou sem energenergia até hoje. Isso é legal?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro que não se pagou eles tem que ligar, e não podem cortar final de semana Lei é clara, qualquer dúvida consulta o Código de Defesa do Consumidor. Por incrível q pareça a concessionária é um fornecedor tem q cumprir as leis

      Excluir
  16. O grande problema é não ter uma empresa para concorrer, somos obrigados a aceitar o preço de uma concessionária sem nenhuma outra opção de um serviço essencial.

    ResponderExcluir
  17. Isso está vigente? Essa resolução é de 2010

    ResponderExcluir
  18. E aqui em Goiás não entrega a conta em casa

    ResponderExcluir
  19. associaçao dos trabalhadores rurais do vale do rio guapore no estado de rondonia.vem mui.respeitosamente,e responsavelmente.parabenizar-mos,por essas noticias,maravilhosas.pois aqui emn nosso municipio de seringueiras,-ro,o antigo bom principio-ro.da ate tristezas,quando o assunto,e luz eletricas,pois piscou cortou.entao nosso muito obrigado,a todos do bem,muito sucesso.ass,hermes cavalheiro.

    ResponderExcluir
  20. Moro em Floriano Piauí, e uma vez cortaram a energia da minha residência as as 16:00 de uma sexta feira. Paguei no mesmo dia e levei as faturas para pedir a religaçao eles foram bem claro que a empresa tem 72:00 para tal procedimento. Resultado: só ligaram na terça feira. Aqui na minha cidade os cortes geralmente acontece nas sextas feiras

    ResponderExcluir
  21. Moro em Floriano Piauí, e uma vez cortaram a energia da minha residência as as 16:00 de uma sexta feira. Paguei no mesmo dia e levei as faturas para pedir a religaçao eles foram bem claro que a empresa tem 72:00 para tal procedimento. Resultado: só ligaram na terça feira. Aqui na minha cidade os cortes geralmente acontece nas sextas feiras

    ResponderExcluir
  22. Moro em Floriano Piauí, e uma vez cortaram a energia da minha residência as as 16:00 de uma sexta feira. Paguei no mesmo dia e levei as faturas para pedir a religaçao eles foram bem claro que a empresa tem 72:00 para tal procedimento. Resultado: só ligaram na terça feira. Aqui na minha cidade os cortes geralmente acontece nas sextas feiras

    ResponderExcluir
  23. Segundo a lei
    Agua e luz sao serviços essências a vida
    Sendo assim proibido o corte
    O ato e considerado desumanoois SVN a medida correta seria a cobrança e acordo de forma judicial

    ResponderExcluir
  24. Segundo a lei
    Agua e luz sao serviços essências a vida
    Sendo assim proibido o corte
    O ato e considerado desumanoois SVN a medida correta seria a cobrança e acordo de forma judicial

    ResponderExcluir
  25. Respostas
    1. Ate q enfim uma pessoa censata nesse país né kkkkk

      Excluir
  26. Moro em Floriano Piauí, e uma vez cortaram a energia da minha residência as as 16:00 de uma sexta feira. Paguei no mesmo dia e levei as faturas para pedir a religaçao eles foram bem claro que a empresa tem 72:00 para tal procedimento. Resultado: só ligaram na terça feira. Aqui na minha cidade os cortes geralmente acontece nas sextas feiras

    ResponderExcluir
  27. nao sei se e valida pois em outubro tive corte de luz devido uma fatura que passou batida do mes de maio....sendo que todas estavam pagas...raro eu esquecer mas infelizmente esqueci....so tinha uma e a do mes de novembro que ainda ia vencer paguei as faturas e msm assim demoraram p religar....

    ResponderExcluir
  28. Moro em Floriano Piauí, e uma vez cortaram a energia da minha residência as as 16:00 de uma sexta feira. Paguei no mesmo dia e levei as faturas para pedir a religaçao eles foram bem claro que a empresa tem 72:00 para tal procedimento. Resultado: só ligaram na terça feira. Aqui na minha cidade os cortes geralmente acontece nas sextas feiras

    ResponderExcluir
  29. Pois é... Além disso, o corte do fornecimento de luz, como qualquer outra medida restritiva DEPENDE DE ORDEM JUDICIAL. Lembrando sempre que a energia elétrica, assim como a água são recursos mínimos e básicos para a sobrevivência e dignidade da pessoa humana!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Trabalho numa concessionária de energia posso afirmar com propriedade que executar serviço de corte é uma das piores atividades que executamos.
      Se temos 20 cortes pra fazer, todos dirão "do indo pagar agora, o lotérica fica aqui pertinho". Chama se ORDEM DE SERVIÇO, não PEDIDO DE SERVIÇO". Tem os que executar ou colocamos nosso Ganha Pão em risco.
      À respeito de ser um "recurso básico à sobrevivência, procede se a vida do cliente depender da energia, equipamentos médicos de suporte a vida, medicamentos sob refrigeração...apresenta se o laudo a empresa e ela fica proibida de cortar o cliente.

      Excluir
  30. segundo a mesma lei , caso venha a acontecer o corte indevido,exemplo unica fatura acima de 90 dias, ou que não foi reavisada, ou cliente pagou no dia anterior ao corte e ainda nao foi dado baixa pelo banco etc. deve ser pedido a religação, prazo maximo para o serviço 4 horas e sem taxa de religação. ressarcimento pelo tempo que ficou sem energia, creditado nas próximas faturas.

    ResponderExcluir
  31. http://www2.aneel.gov.br/cedoc/ren2010414.pdf

    ResponderExcluir
  32. E quem teve a luz cortada a três anos porque veio mais de 1.000,00 em uma só conta a segunda 900.00 a terceira 900.00 e por fim corte sem nem almenos vir fazer uma vistoria no relógio só sei que estou na justiça e sem luz até hoje uso emprestada porque também não posso puxar um gato e aí alguém pode me ajudar?????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. primeiro, quando veio a primeira conta com variaçao do consumo já deveria ter feito essa reclamaçao, verificado com eletricista particular a fiaçao interna e com a concessionaria a aferiçao do medidor, segundo dá para parcelar o debito, paga a entrada e pede religaçao, terceiro, se ainda nao pediu a vistoria, peça, e espere a justiça julgar, emprestada? como assim?

      Excluir

-------------------------------------------------------------------------
É um prazer receber seu comentário e ter sua participação.
Repasse a seus amigos e convide-os a opinar também.