Gêmeos advogados largam Direito, montam 1ª pizzaria 'all inclusive' do Brasil e faturam R$1.5 mi

Postado por: EditorNJ \ 7 de setembro de 2018 \ 0 comentários

O que seria um simples inconveniente em um restaurante no interior de Santa Catarina, se tornou a motivação que levou os gêmeos Nickolas Peters e Victoria Peters a abandonarem a advocacia para criar, em 2015, a Brickell Pizzas, primeira pizzaria com sistema ‘all inclusive’ do Brasil que faturou R$1.5 milhão em 2017. Com mentalidade empreendedora, a dupla identificou uma oportunidade durante as reuniões familiares, que eram constantemente interrompidas por garçons quando comiam em rodízios.

Objetivo da empresa é encerrar o ano com cinco novas unidades; conhecimentos jurídicos da dupla foi essencial para formatação do negócio.

“Era algo que incomodava, mas até então não pensávamos em montar um restaurante. Foi a partir de uma viagem aos Estados Unidos que tivemos o ‘insight’ e resolvemos apostar na ideia. Mas, ainda precisávamos adaptar algumas coisas para o modelo brasileiro e os conhecimentos jurídicos nos ajudaram muito na hora de montar o negócio”, explica Nickolas.

Na prática, a pizzaria criada pelos advogados permite que os clientes consumam pizzas, refrigerantes, batata frita, saladas, frango frito, macarrão com cheddar e bacon e sobremesas por R$39,90. Quem freqüenta a Brickell, em Blumenau, só paga um valor adicional no caso de consumo de sucos e bebidas alcoólicas.

As pizzas ficam dispostas em uma pista de nove metros aquecida na parte superior e inferior a 50º. Além disso, as iguarias são substituídas a cada 30 minutos para que os ingredientes estejam sempre frescos para o consumo dos clientes.

“Na Brickell, o próprio consumidor se serve. Não existe aquela história de o garçom ficar passando de mesa em mesa oferecendo várias opções. A pessoa pode, por exemplo, levantar e pegar apenas a iguaria do sabor que lhe agrada. Não precisa ficar esperando”, comenta Victoria Peters sobre o restaurante que atende, em média, cerca de quatro mil pessoas por mês em Blumenau.

Além disso, o estabelecimento funciona com apenas um garçom durante a semana e dois nos finais de semana, que anotam exclusivamente pedidos de bebidas (sucos, bebidas alcoólicas e água) e retiram os pratos das mesas.

O ambiente com decoração temática americana e clima despojado desenvolvido pela dupla garante que todos se sintam à vontade e cativa, especialmente, os jovens, as famílias e as crianças.

“Hoje, são os nossos principais fãs. Além do buffet, ainda temos uma área kids e um serviço que chamamos de mini-chef, no qual as crianças ganham um chapéu de chef personalizado e podem montar a própria pizza, que será assada para que eles mesmos comam as suas criações. Não vendemos apenas as iguarias, mas, também, experiência”, explica Nickolas.

Negócio agora é franquia

Em menos de três anos, a empresa viu o seu faturamento atingir a casa do milhão e os sócios resolveram apostar no franchising para a expansão. Os conhecimentos jurídicos, mais uma vez, foram fundamentais para a estruturação do modelo de franquia da Brickell

“Durante a faculdade eu já me interessava pelo tema e pensava em atuar como advogado no franchising. Todos os anos de estudo foram essenciais para que pudéssemos estruturar não apenas o modelo de franquia, mas todo o negócio. No Brasil, tudo é muito complicado, desde impostos até as relações de trabalho. Ter uma base jurídica como empreendedor para enfrentar tudo isso é fundamental”, comenta Nickolas.

Sobre

O investimento para abrir uma unidade da Brickell varia entre R$ 455 mil e R$495 mil. O faturamento médio é de R$135 mil com tempo médio de retorno que varia entre 18 e 24 meses.

categoria:

0 comentários

-------------------------------------------------------------------------
É um prazer receber seu comentário e ter sua participação.
Repasse a seus amigos e convide-os a opinar também.