Partido pede ao STF o afastamento de Eduardo Pazuello

20/01/2021 16h56

Eduardo Pazuello será efetivado como ministro da Saúde | Agência Brasil

A Rede Sustentabilidade entrou com um pedido de afastamento imediato de Eduardo Pazuello do Ministério da Saúde. A petição foi protocolada no Supremo Tribunal Federal, no âmbito da ADPF 754.

No documento, a legenda sustenta que o ministro cometeu “diversos equívocos, incluídos os de logística, na condução das atividades ministeriais durante a pandemia do Coronavírus”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

Entre os erros apontados pelo partido estão o represamento de testes de Covid-19, a lentidão no processo de compra e distribuição de vacinas e o desabastecimento de cilindros de oxigênio no Amazonas.

 “Não há questões logísticas ou dificuldades operacionais que justifiquem essa omissão das autoridades, principalmente federais, que sabiam da iminente falta de oxigênio, mas nada fizeram”, diz trecho do documento.

A legenda também pede que o governo federal apresente, no máximo em 24 horas, "um planejamento para disponibilização de oxigênio aos Estados da Região Norte" e que seja feito "o provisionamento imediato de oxigênio nos Estados da Região Norte em que houver insuficiência ou mera perspectiva de ausência nos próximos 30 dias".

Por fim, o partido requereu ainda que o governo federal especifique o estoque de oxigênio disponível no sistema de saúde do Brasil e, em especial, dos Estados da Região Norte do Brasil, inclusive fazendo referência a estados que tenham feito pedido específico de auxílio ao Ministério da Saúde.

Fonte: Conjur

Anuncie na Nação Jurídica

Faça com que sua marca seja vista por toda a nossa Nação!